A importância das campanhas em vídeo na internet

Mercado programáticonovembro 11, 20143 Minutes

Um hábito que antigamente contava com 30 milhões de brasileiros e hoje em dia encontra-se na casa dos 40 milhões tornou-se tendência do nosso mercado: o consumo de duas telas ao mesmo tempo. Energizando cada vez mais essa tendência, o brasileiro tornou relevante a forma com que assiste e devora – principalmente – vídeos online. Em questão de números:

  • 70 bilhões de brasileiros já assistem vídeos na web;
  • Média de 8 horas semanais em vídeos;
  • 24% desse grupo assiste vídeos ao mesmo tempo que assiste televisão.

Mas apesar da grande ascenção do vídeo online, fica o questionamento: está se falando com o consumidor onde ele está e da forma que ele quer?

Uma pesquisa da área de research do Google baseou-se em 12 campanhas e, com elas, foi possível destacar os diferentes meios (site, TV, revista, – claro – vídeo online, etc) e a forma com que atuam, a conclusão foi que o vídeo ainda tem papel essencial numa boa jogada publicitária. Com a convergência das redes e meios, já não é possível pensar singularmente em vídeos para TV, mas sim multiplataformas. Botando novamente em números:

O vídeo é responsável por 72% de toda a percepção da marca;

  • 54% desse vídeo impacta através da TV tradicional;
  • 46% em vídeos online.

Mas, por algum motivo… 93% do investimento costuma ir para a mídia tradicional e apenas 7% para a parte online.

A campanha impacta cerca de 40% mais quando a integração TV vídeo online é feita e também há 30% a mais de recall de marca do que estratégias tradicionais.

Podemos concluir, então, que a discrepância de realidade e teoria incita e mostra a carência que as campanhas atuais publicitárias têm em relação a vídeos e seus reais retornos e feedbacks. De fato chegou o tempo onde os profissionais do segmento devem embarcar na  tendência e apresentando-se de forma clara no mesmo local onde seu consumidor se encontra.

Fonte: Revista Proxxima